99 99107-5401 / 98117-0791

Notícias

Home > Notícias > Nobel de Economia premia pesquisas…

Nobel de Economia premia pesquisas contra pobreza

Trio de pesquisadores é agraciado com o último dos prêmios Nobel deste ano por seus trabalhos mostrando como a questão da pobreza pode ser combatida de forma mais eficiente se dividida em problemas menores.

 

Três pesquisadores que dedicaram seu trabalho à luta contra a pobreza mundial foram agraciados nesta segunda-feira (14/10) com o Prêmio Nobel de Economia.

Segundo a Academia sueca, o trabalho da franco-americana Esther Duflo, do americano nascido na Índia Abhijit Banerjee e do também americano Michael Kremer mostrou que o problema da pobreza pode ser resolvido através da sua divisão em questões menores e mais precisas em áreas como educação e saúde.

Duflo é apenas a segunda mulher a receber o prêmio em seus 50 anos de história e, aos 46 anos, é também a mais jovem.

 

“Como resultado direto de um dos seus estudos, mais de cinco milhões de crianças indianas se beneficiaram de programas eficazes de aulas de reforço na escola”, citou a Academia. “Outro exemplo são os pesados subsídios para a prevenção e cuidados de saúde que foram introduzidos em muitos países.”

Segundo a Academia, os resultados da pesquisa dos laureados – e os dos pesquisadores que seguiram os seus passos – melhoraram drasticamente a capacidade dos países de combater a pobreza na prática.

 

“Em suma, envolve a divisão da questão da pobreza em questões menores, mais fáceis de gerir – por exemplo, intervenções mais eficazes para melhorar os resultados educativos ou a saúde infantil”, disse a Academia. Os pesquisadores, segundo o comunicado, mostraram que perguntas menores e mais precisas são frequentemente mais bem respondidas através de experimentos cuidadosamente concebidos para as pessoas mais afetadas pela pobreza.

 

Diferentemente dos outros prêmios, concedidos pela primeira vez em 1901 em cumprimento do testamento do inventor e filantropo sueco Alfred Nobel, o Nobel de Economia foi criado em 1968 pelo banco central da Suécia, o Riksbank, para marcar seu tricentenário. Seu nome oficial é Prêmio Banco de Suécia de Ciências Econômicas em Memória de Alfred Nobel.

FONTE: https://www.dw.com/pt-br/nobel-de-economia-premia-pesquisas-contra-pobreza/a-50822551



Visualizado 38 vezes.