99 99107-5401 / 98117-0791

Notícias

Home > Destaques > População reclama da falta de remédios…

População reclama da falta de remédios e do atendimento em Unidades Básicas de Saúde.

A administração municipal anda a passos lentos. Diariamente são inúmeras as denúncias, reclamações e insatisfação sobre os mais variados problemas e descasos, encontrados na gestão do prefeito Edvan Brandão.

Uma de tantas, é a insatisfação dos bacabalenses sobre o péssimo atendimento nas Unidades Básicas de Saúde (UBS´S), decorrente, sobretudo, de não encontrarem nessas unidades de saúde aquilo que almejam obter sem dificuldades, ou seja, remédios.

O Portal CUXÁ, ao fazer uma visita a alguns postos de saúde da cidade, procurou investigar sobre algumas das principais denúncias que chegam ao Whatsapp do site.

Em uma das unidades de saúde, conversamos com uma moradora, que estava à procura de remédios. Segundo ela, nunca consegue obter o medicamento que necessita. “Hoje mesmo vim procurar uma simples dipirona e não encontrei novamente”, relata à nossa equipe.

Para muitos, essa é uma situação que não se consegue entender. Qual seria o motivo de não se ter medicamentos nas UB`S? Não são distribuídos ao chegar no estoque da Secretaria de Saúde do município? Qual a resposta a isso?

Outra constatação dos moradores em diversos bairros é sobre a quantidade de funcionários muito pequena nos atendimentos, o que gera mais desconforto a quem busca informações e atendimento de qualidade.

Assim como na educação, saneamento básico, meio ambiente e tantas outras áreas da administração do prefeito Edvan Brandão, a saúde é uma das tantas que muito preocupa os bacabalenses, pois se sabe que saúde deveria ser prioridade.

Recentemente, assumiu como secretário de saúde, o médico e vereador licenciado Dr Lula e até agora a população parece não ter ainda visto nenhuma mudança significativa na pasta da saúde, com a nomeação do médico.  O Portal CUXÁ de Comunicação está à disposição para possíveis esclarecimentos das partes responsáveis.



Visualizado 121 vezes.